Descoberta pelo mundo

Postado por Victor Heringer / 30 de setembro de 2015 / 0 Comentários

Não é de agora que a obra de Clarice Lispector é publicada ao redor do mundo.  Cruzou fronteiras desde 1954, quando Perto do coração selvagem foi traduzido para o francês. Para mais de quinze línguas, dentre coreano, tcheco e hebraico, juntou-se à lista das traduções, em agosto desse ano, o volume de contos em língua inglesa The complete stories.

 

Capa da edição americana de Complete stories (2016, New Directions)

 

Organizado por Benjamin Moser, autor da biografia Why this world – A biografy of Clarice Lispector (lançada pela Cosac Naify com o título Clarice,), e traduzido por Katrina Dodson, o livro é uma arrojada iniciativa que perfaz a trajetória literária de Clarice nos contos. Os 86 textos de Complete stories foram publicados pela New Directions, casa editorial nova-iorquina responsável pela reedição, em inglês, desse e de outros títulos claricianos.

A publicação vem ganhando destaque especial em jornais importantes que dedicaram páginas inteiras ao assunto.  Segundo matéria do The New York Times, The complete stories é um livro notável, que reafirma o lugar de Clarice Lispector – ao lado do compatriota Machado de Assis, Jorge Luis Borges e Juan Rulfo – como um dos mais representativos e autênticos da literatura latino-americana. O Wall Street Journal compara a autora a Virginia Woolf, enquanto o Slate Book Review considera Clarice Lispector como um gênio do nível de Nabokov. Outras matérias entusiasmadas ainda podem ser lidas na Vanity Fair, The Atlantic, Vogue e North Country Public Radio.

Para além das editoras e mercados, Clarice tem sido estudada cada vez mais nas universidades. Nos últimos 23, 24 e 25 de setembro, a Universidad Autônoma del Estado de México (UAEM) dedicou o 5ª colóquio internacional de literatura hispanoamericana, sobretudo, aos estudos claricianos, e contou com a participação dos professores Nádia Battella Gotlib, Vilma Arêas e Evando Nascimento.

É surpreendente ver como, apesar de por muito tempo ter sido considerada uma autora hermética, as publicações e desdobramentos da obra de Clarice Lispector continuam a avançar pelo mundo não apenas do ponto de vista da crítica acadêmica, mas também de público.

 

victorheringer

Sem descrição

Posts Relacionados

Sem comentário

Sem comentários

Deixe um comentário

Seu email não será publicado Campos obrigatórios *