Laços de família

Martha Alkmin |

Seguindo a linhagem dos grandes contistas, neste livro, de 1960, Clarice Lispector exibe o domínio absoluto dessa forma breve de narrativa. Reunindo um total de 13 contos, alguns dos quais escritos e publicados anteriormente na imprensa e no formato de coletânea, Laços de família garantiu à escritora o prêmio Jabuti de literatura no ano de 1961.

Ciente de que o conto é o “irmão misterioso da poesia”, espécie de “caracol da linguagem”, segundo Julio Cortázar, Clarice sequestra o leitor e, sem trégua, invade-o com um acúmulo de sentimentos e entrevisões que, aglutinados, se abrem para realidades mais vastas. Como um ímã, ela o arrasta para o interior de cotidianos urbanos e domésticos a partir dos quais surgem, como sempre acontece em sua literatura, a natureza íntima das pessoas e das coisas, a nervura dos seres, seus infinitos e domínios mais insuspeitos. Tudo isso, segundo ela mesma, “cosendo por dentro” o círculo imaginário onde se situam suas personagens e sua lógica organizadora.

Em cada um dos contos de Laços de família o projeto de escrita de Clarice vai criando e consolidando uma paisagem extraordinariamente expressiva sustentada pela força de um discurso que parece muitas vezes escapar dos limites da ficção propriamente dita para ingressar no terreno do ensaio filosófico.

O estado de permanente atenção provocado pelo fato de as narrativas de Clarice se concentrarem no mais insignificante, na intensidade dos gestos e nas palavras – ou na falta delas –, impõe-se como um dos traços estruturantes de sua escrita. O minúsculo e o epifânico, o excessivo e o espantoso, a maneira como o óbvio e o lugar-comum são formulados e a insistente interrogação sobre o estado do mundo podem ser tomados como pequenas pistas ou linhas de leitura desses Laços de família, para os críticos a melhor obra já produzida pela vocação e o talento da contista que se revelou em Clarice Lispector.

 

Traduções

 

Familjeband. EYRE, Marianne; AHLBERG, Margareta; LUNDGREN, Arne (trad.). Stockholm: Norstedts, 1963.

Family ties. PONTIERO, Giovanni (trad.). Austin: University of Texas, 1972.

Lazos de família: cuentos. BARROSO, Haydeé Yofre (trad.). Buenos Aires: Sudamericana, 1973.

Family ties. 2. ed. PONTIERO, Giovanni (trad.). Austin: University of Texas, 1984.

Familjeband. EYRE, Marianne; AHLBERG, Margareta; LUNDGREN, Arne (trad.). Stockholm: Nordan, 1986.

Legami familiari. ALETTI, Adelina (trad.). Milano: Feltrinelli, 1986.

Lazos de familia. ROSSI, Cristina Peri (trad.). Barcelona: Montesinos, 1988.

Familiebanden verhalen. GAIKHORST, Hermien; PLOEGMAKERS, Ruud (trad.). Houten: Het Wereldvenster, 1989.

Liens de famille. THIÉRIOT, Jacques; THIÉRIOT, Thérèse (trad.). Paris: Des Femmes, 1989.

Legami familiari. 3. ed. ALETTI, Adelina (trad.). Milano: Feltrinelli, 1989.

Family ties. 3. ed. PONTIERO, Giovanni (trad.). Austin: University of Texas, 1990.

Lazos de familia. 2. ed. ROSSI, Cristina Peri (trad.). Barcelona: Montesinos, 1999.

Legami familiari. 4. ed. ALETTI, Adelina (trad.). Milano: Feltrinelli, 1999.

Legami familiari. 5 .ed. ALETTI, Adelina (trad.). Milano: Feltrinelli, 2006.

Lazos de familia. CÁMARA, Mario; RUSSO, Edgardo (trad.). Buenos Aires: El Cuenco de Plata, 2010.