A hora e a vez de Clarice Lispector

4 de dezembro de 2017 / 0 Comentários

Em 2017, comemoram-se os quarenta anos de A hora da estrela, último livro escrito por Clarice Lispector e publicado no ano de sua morte. O evento “Hora de Clarice”, organizado anualmente pelo IMS para celebrar o aniversário da escritora (10 de dezembro), homenageará esse legado com uma programação diversa em suas sedes. Além disso, outras instituições promoverão leituras, lançamentos e apresentações dentro e fora do Brasil.

Um dos destaques do projeto é a leitura de A hora da estrela dirigida por Bruno Lara Resende, com os atores Ana Carina, Charles Fricks, Marcio Vito e Raquel Iantas. A apresentação será no dia 10 de dezembro, no auditório do IMS do Rio de Janeiro. No IMS de Poços de Caldas, o professor Sérgio Roberto Montero Aguiar falará sobre a relação de Maria Bethânia com a obra de Clarice, utilizando áudios com fragmentos declamados em shows e livros, discos e projeção de imagens. Em São Paulo, haverá um encontro com a escritora e tradutora Idra Novey, que verteu A paixão segundo G.H. para o inglês.

Esta edição reafirma a projeção cada vez maior da obra de Clarice no mundo. Um dos marcos mais recentes foi a publicação de The Complete Stories pela editora norte-americana New Directions, considerado pelo New York Times como um dos cem melhores livros de 2015 e vencedor do prêmio PEN de tradução. Em 2017, outra tradução de fôlego veio a público, desta vez na França: a casa Des Femmes-Antoinette Fouque publicou Nouvelles – Édition Complete, reunindo 85 textos.

“Hora de Clarice” faz parte desse grande movimento de divulgação internacional da obra clariceana. Nesta edição, entre as atividades fora do Brasil estão o lançamento de A paixão segundo G.H. na Turquia (pela editora MonoKL) e uma celebração na embaixada brasileira na Holanda, onde também se publicará uma tradução do romance. Além disso, em Portugal, também no dia 10, será lançada Clarice, uma biografia, escrita por Benjamin Moser.

Ao passo que cresce a notoriedade no exterior, o reconhecimento em terras nacionais se fortalece ainda mais. Uma das autoras mais amadas do Brasil, além de objeto de extensa e fértil fortuna crítica, Clarice desperta muito interesse, como se pode notar pelos diversos eventos programados para acontecer na semana da “Hora de Clarice”, em várias regiões do país, de São Paulo a Caraúbas, na Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Ficou interessado? Veja se há algum evento perto de você, confira a programação completa no site Hora de Clarice.

Posts Relacionados

Sem comentário

Sem comentários

Deixe um comentário

Seu email não será publicado Campos obrigatórios *